Dissidentes ingleses

Dissidentes ingleses, (em Inglês: English dissenters), também chamados de não conformistas, foram reformadores na Inglaterra que se opuseram à intervenção do estado e fundaram as suas próprias comunidades.

Tendo desejado uma reforma melhor e mais pura na Igreja Inglesa, muitos indivíduos estavam desapontados pelas decisões políticas tomadas pelos reis que controlavam a igreja estabelecida (a Igreja Anglicana).

A Restauração de 1660 promoveu o episcopado e limitou os direitos dos dissidentes. O Act of Uniformity (1662) requeria a ordenação episcopal para todos os pastores mas muitos sacerdotes decidiram, por contrário retirar-se da Igreja oficial.

Entre os diversos grupos contavam-se:

Copyright